Os assessores têm algum tipo de obrigação em relação à FAPESP?


Sim. Todo pesquisador que recebe apoio da FAPESP se compromete a emitir pareceres solicitados pela Fundação. Há também o compromisso de sigilo recíproco. Assim como a Fundação mantém sob rigoroso sigilo a identidade do assessor, também o assessor se compromete a jamais revelar sua função nos processos que analisa. Além disso, para preservar o alto grau de credibilidade de seus procedimentos de análise e evitar constrangimentos aos assessores científicos, a FAPESP solicita que, antes de iniciar a avaliação de qualquer processo, o assessor considere eventual possibilidade de conflito de interesse.