FAPESP anuncia lista tríplice para Conselho Superior

FAPESP anuncia lista tríplice para Conselho Superior

Ronaldo Aloise Pilli, Arnaldo Lopes Colombo e Dimas Tadeu Covas são eleitos pelas instituições de ensino superior e de pesquisa (foto: professores Goldemberg, Martins e Krieger na apuração da eleição / Agência FAPESP)

Ronaldo Aloise Pilli, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Arnaldo Lopes Colombo, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), e Dimas Tadeu Covas, do Instituto Butantan, compõem a lista tríplice para a escolha do novo membro do Conselho Superior da FAPESP.

Os três foram indicados em eleição pelas instituições de ensino superior e de pesquisa no Estado de São Paulo, para a vaga que se abrirá a partir de 29 de junho de 2018, em decorrência do término do mandato do conselheiro Fernando Ferreira Costa.

Pilli teve 396 votos, Colombo, 331 votos e Covas, 183 votos. Foram recebidos 962 votos válidos, 6 em branco e nenhum voto nulo, com participação de 91,1% do colégio eleitoral.

As instituições de ensino superior e de pesquisa, oficiais ou particulares, em funcionamento no Estado de São Paulo inscreveram 16 candidatos.

A eleição foi realizada no período de 11 a 15 de junho de 2018, pela internet, encerrando-se às 17 horas do último dia. Encerrada a votação, imediatamente foi feita a apuração do seu resultado pela Comissão Eleitoral, na sede da FAPESP.

Integraram a comissão os conselheiros Eduardo Moacyr Krieger (presidente), José de Souza Martins e Marilza Vieira Cunha Rudge. O presidente da FAPESP, José Goldemberg, e o presidente do Conselho Técnico-Administrativo, Carlos Américo Pacheco, também participaram do encerramento da eleição.

A lista será encaminhada ao governador do Estado para a escolha do novo conselheiro, nos termos do art. 7º, § 3º, da Lei Estadual nº 5.918, de 18/10/1960, combinado com o art. 9º, alínea “c”, dos Estatutos da FAPESP, aprovados pelo Decreto nº 40.132, de 23/05/1962.

Pilli é professor titular do Instituto de Química (IQ) da Unicamp, membro da Academia de Ciências do Estado de São Paulo, da Academia Brasileira de Ciências e da coordenação da área de Química na FAPESP. Foi diretor do IQ/Unicamp (2006-2009) e pró-reitor de Pesquisa na mesma universidade (2009-2013). 

Colombo é professor titular da Escola Paulista de Medicina (Unifesp), onde foi pró-reitor de Pós-Graduação e Pesquisa (2010-2012). É consultor sênior da Leading International Fungal Education e do Global Action Fund for Fungal Infection, membro do Conselho Deliberativo da International Immunocompromised Host Society e membro da coordenação da área de Saúde I da FAPESP.

Covas é diretor do Instituto Butantan, professor titular da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP), onde também preside a Fundação Hemocentro. É diretor da Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular e cordena o Centro de Terapia Celular, um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão apoiados pela FAPESP.